Procon fiscaliza aumento de preços de itens de 1ª necessidade

Autor: João J. de Souza

O Procon Piracicaba iniciou hoje, 17/04, a operação Aumento de Preços – Supermercados, visando proteger o consumidor da prática de preços abusivos. A ação é mais uma medida de enfrentamento à crise causada pelo impacto econômico da pandemia do coronavírus.

O procurador-geral do município e responsável pelo Procon, Milton Sergio Bissoli, explica que a estratégia consiste na fiscalização dos preços de gêneros alimentícios de primeira necessidade, como arroz, feijão, macarrão, trigo, leite longa vida e óleo de soja, para apurar o motivo do aumento expressivo de preço destes produtos. O órgão recebeu diversas denúncias por parte da população sobre esses aumentos.

Bissoli diz que o objetivo da operação é punir de forma severa aqueles que aumentaram os preços dos produtos por mera especulação de mercado, ou seja, sem motivo justificado, aproveitando-se da situação de calamidade causada pela pandemia. “A operação será feita nos supermercados que possuem um número maior de denúncias, para identificar se houve motivos para aumentos tão significativos de preços nestes tempos de pandemia, que pesarão muito no bolso do consumidor”, disse.

O procurador disse ser importante que a população auxilie o trabalho do Procon e, ao identificar preços que possam ser considerados abusivos, denuncie pelos telefones 151 e 3433-3974.

Imprimir