Trabalho da Patrulha Maria da Penha é apresentado em seminário nacional

Autor: Texto: João J. Souza Fotos: Divulgação

A comandante da Guarda Civil de Piracicaba, Lucineide Aparecida Maciel, participou em junho do I Seminário Nacional de Guardas Municipais, realizado no Ministério da Justiça, em Brasília. No evento, que teve a participação de 140 gestores municipais, foram apresentados os resultados da Patrulha Maria da Penha, serviço de proteção à mulher vítima de violência doméstica, implantado em Piracicaba em 2017.

Coronel Guilherme Theophilo, secretário nacional de Segurança Pública, e a comandante da GC, Lucineide Maciel durante seminário em Brasília

O evento, que teve como tema A Segurança na Cidade é a Segurança do Brasil e foi coordenado pela Secretaria Nacional de Segurança Pública, teve o objetivo de realizar um diagnóstico das Guardas Municipais e a segurança do município.

No encontro foram debatidos temas, como a capacitação dos profissionais em parceria com os Institutos Federais de Tecnologia, a reformulação de matriz curricular nacional de formação, a captação de recursos, o papel dos municípios no Sistema Único de Segurança Pública (Susp) e propostas de alterações legislativas pertinentes.

A comandante Lucineide Aparecida Maciel participou das discussões sobre a Polícia de Proximidades, levando como exemplo a Patrulha Maria da Penha. “O encontro foi uma oportunidade para troca de informações e o reconhecimento, por parte do Governo Federal, da importância das Guardas Municipais na segurança do município", esclareceu.

Como resultado do seminário, foi redigido um documento formal entre a Senasp (Secretaria Nacional de Segurança Pública), do Ministério da Justiça, e os gestores presentes que prevê ainda a instalação de um Grupo de Trabalho (GT) para condução de sugestões.

 

Imprimir