Piracicaba

.: Prefeitura comemora 60 anos da escola Dona Mimi

Data: 22/11/2019

Autor: Andre Thieful / Fotos: Fernanda Schmidt

A Prefeitura de Piracicaba realiza neste sábado (23), às 10h, solenidade para comemoração do aniversário de 60 anos da EMEI (Escola Municipal de Educação Infantil) Dona Maria Guilhermina Lopes Fagundes, a creche Dona Mimi, localizada à rua Campos Salles, 300, no centro da cidade.

O evento terá início às 10h, na Biblioteca Municipal, que fica ao lado da escola, onde será realizada a abertura da cerimônia e haverá o pronunciamento das autoridades, convidados e representantes da família, entrega de homenagens, além das apresentações infantis. Estão programadas duas apresentações culturais.

Participarão da solenidade o prefeito Barjas Negri, a secretária municipal de Educação, Angela Jorge Corrêa, vereadores, familiares da Dona Mimi, ex-diretoras da creche e comunidade escolar.

Após a solenidade de abertura, os presentes serão convidados a conhecer, nas dependências da escola, a Feira Cultural “Que Bicho é Esse” e participar do descerramento da placa alusiva aos 60 anos da creche. A cantora Miriam Mendes animará a festa.

Escola foi construída em 1958 e inaugurada em 25 de dezembro de 1959

História

A escola foi construída em 1958 e inaugurada em 25 de dezembro de 1959 para atender as mães que moravam, em sua maioria, na periferia e que trabalhavam na região central da cidade. A antiga creche municipal, que era situada dentro do Parque Infantil, conciliava o papel de provedora da educação infantil pública na cidade, dividindo na época, com a "Creche Joaninha Morganti" o número de vagas para as mães trabalhadoras, nas seleções dos alunos. Só existiam essas duas creches na cidade.

O local onde foi construída a creche era conhecido como Jardim da Ponte, espaço utilizado para quermesses e bingos beneficentes, lazer e ponto de encontro dos jovens Piracicabanos. O dinheiro arrecadado por Dona Mimi Lopes Fagundes, que atuava nos eventos beneficentes, era destinado às comunidades menos favorecidas social e economicamente e para festas infantis. Ela distribuía no Jardim da Ponte mantimentos, gêneros alimentícios, roupas e cobertores e dava orientações às mães sobre cuidados com os filhos.

Denominação

O decreto que deu o nome Dona Maria Guilhermina Lopes Fagundes – Dona Mimi tanto ao Parque Infantil quanto à creche é o de número 3.930 de 3 de setembro de 1984, mas passou a vigorar em 31 de outubro de 1997.

Em 2009, para melhorar a qualidade de atendimento, o prédio antigo foi demolido para dar lugar a um novo. Atualmente, a escola atende a cerca de 120 crianças

Dona Mimi

Maria Guilhermina Lopes Fagundes nasceu em 26 de julho de 1878 em Jaú e teve quatro filhos. Veio para Piracicaba em 1901, onde se formou na escola Normal. Dedicou-se ao magistério por 33 anos. Participou da construção da Igreja do Bom Jesus, da Santa Casa de Misericórdia e da criação da primeira maternidade de Piracicaba.

Na Revolução de 1924, movimento motivado pelo descontentamento dos militares com a crise econômica e a concentração de poder nas mãos de políticos de São Paulo e Minas Gerais, Dona Mimi abrigou em sua casa vários civis paulistanos, dos quais cuidou e providenciou o batizado de várias crianças.

Também idealizou e promoveu o primeiro baile caipira da cidade, em 11 de agosto de 1925, no local onde hoje está construída a escola que ganhou seu nome. Dona Mimi morreu aos 72 anos, no dia 12 de janeiro de 1951.

X

Reportar erro!

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente





4 + 2

X

Enviar e-mail para amigo!

O link da notícia será enviado automaticamente





4 + 2

Plano diretor Racismo é Crime Resultados de Exames
Ficar informado sobre Pira ficou ainda mais fácil Semuttran
Webmail
Contato Prefeitura: Tel. (19) 3403-1000
Rua Capitão Antônio Corrêa Barbosa, 2233 - Chácara Nazareth - Piracicaba/SP
2020 - Todos os direitos reservados | Prefeitura de Piracicaba
Desenvolvimento Imagenet