Piracicaba

.: Semdes realiza palestra e passeata sobre Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

Data: 15/05/2018

Autor: Sabrina Rodrigues Bologna: 31076

Piracicaba, 15 de maio de 2018 – A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social realiza nos próximos dias 17 e 18 de maio, palestra e passeata em alusão ao 18 de maio - Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Este ano, a lei que institui o dia completa 18 anos.

 

A palestra acontece no dia 17, no auditório da Secretaria de Educação, a partir das 13h e terá como tema: Abuso sexual e alienação parental: a vítima sempre é a criança! Ministram a palestras Cristina Helena Machado Albuquerque, psicóloga judiciária, e Fabiane Cristina Vieira de Souza, assistente social judiciária, ambas do Fórum de Piracicaba. Não é necessária inscrição prévia. O evento tem como público-alvo representantes do poder público, técnicos da rede intersetorial, sociedade civil organizada e população em geral. O auditório está localizado na Rua Cristiano Cleopath, 1902.

Já a passeata acontece no dia 18, a partir das 8h30. A dinâmica da passeata será a concentração no mercado municipal. Dali as crianças e os técnicos, munidos de cartazes, descerão a rua Governador Pedro de Toledo até a Rua São José, acompanhados de fanfarra da escola municipal José Antônio de Oliveira. A passeata termina na praça José Bonifácio. A intenção é dar visibilidade à questão do abuso e da exploração sexual de crianças e adolescentes e assim sensibilizar a sociedade para a temática. "A intenção é mobilizar toda a sociedade. Estaremos com diversos dos nossos técnicos e várias crianças dos nossos serviços estarão envolvidas. É importante que as famílias participem com suas crianças e seus adolescentes, porque é um momento de conscientização. Todos podem ajudar uma criança ou adolescente em situação de risco, denunciando, por exemplo, de forma anônima, pelo disque 100”, explica Eliete Nunes, secretária municipal de Desenvolvimento Social.

A palestra e a passeata integram a Campanha Faça Bonito - Proteja nossas crianças e adolescentes, que realiza ações de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e Adolescentes no mês de maio. Mas as ações em Piracicaba não se restringem a estes eventos. Além destas, os serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos Gerações e Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) promovem rodas de conversa, sensibilização e esclarecimentos sobre a temática para os usuários dos serviços.

Amanhã (16), dia 21 e dia 30, adolescentes de 15 a 17 anos, do serviço Gerações, das áreas de abrangência do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Piracicamirim, Jardim São Paulo e São José, respectivamente, participam de roda de conversa “Abuso e Exploração Sexual Infantil”, com técnicos do Serviço Complementar ao Paefi O objetivo, conforme descritivo do serviço, é abordar a questão “Abuso Infantil”, elucidando o tema e promovendo reflexão.

Já o Case, além da participação efetiva na passeata, realiza também passeatas no dia 18 de maio, no período da tarde, nas ruas que circundam cada uma das unidades. O serviço também promove roda de conversa com os usuários sobre a temática.


 

MARCO - A Data escolhida para ser do Dia de Combate remete a um crime bárbaro ocorrido em 1973, quando Araceli Cabrera Sanches, de 8 anos, foi sequestrada, drogada, espancada, estuprada e morta por membros de uma tradicional família capixaba.

A escolha do dia como marco aconteceu em 1998, quando cerca de 80 entidades públicas e privadas, reuniram-se na Bahia para o 1º Encontro do Ecpat no Brasil. O evento foi organizado pelo Centro de Defesa de Crianças e Adolescentes (CEDECA/BA), representante oficial do Ecpat, organização internacional que luta pelo fim da exploração sexual e comercial de crianças, pornografia e tráfico para fins sexuais, surgida na Tailândia. O encontro reuniu entidades de todo o país. Foi nessa oportunidade que surgiu a ideia de criação de um Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Infanto-Juvenil. O dia se tornou lei, por meio do projeto da então deputada Rita Camata, com numeração 9.970


 

Centro de Comunicação Social

Sabrina Rodrigues Bologna: 31076

X

Reportar erro!

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente





7 + 0

X

Enviar e-mail para amigo!

O link da notícia será enviado automaticamente





7 + 0

Plano diretor Racismo é Crime Resultados de Exames
Campanha Sinal Aberto pra vida
Webmail
Contato Prefeitura: Tel. (19) 3403-1000
Rua Capitão Antônio Corrêa Barbosa, 2233 - Chácara Nazareth - Piracicaba/SP
2018 - Todos os direitos reservados | Prefeitura de Piracicaba
Desenvolvimento Imagenet