Piracicaba

.: APL do Álcool diagnosticará o setor sucroalcooleiro regional

Data: 16/02/2006

Autor: Luciane Anhão - MTB 26.999 - Foto: Justino Lucente - MTB 20.205.

Com a participação de representantes do governo Estadual, Prefeitura de Piracicaba e Aderp (Agência de Desenvolvimento Político e Econômico da Região de Piracicaba), foi assinado, na tarde de ontem (15), o protocolo de intenção do Apla (Arranjo Produtivo Local do Álcool) de Piracicaba.

 

Direcionado para a realização de ações conjuntas no intuito de alavancar o arranjo local, através da adequação e desenvolvimento da produtividade do álcool, o APL é o primeiro oficializado no Estado, que reúne outros 40 em andamento.

 

No anfiteatro do Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) reuniram-se coordenadores do APL (conselhos estratégicos e grupos de trabalho), usineiros, entidades, instituições financeiras, centro tecnológicos e apoiadores. O representante da ONG Piracicaba 2010, Eugênio Stipp, detalhou os objetivos e propostas do APL do Álcool.

 

O protocolo de intenções foi assinado pelo prefeito Barjas Negri, pelo presidente da Aderp, José Carlos Borsari e por Castello Branco, representante da Secretaria Estadual de Ciência e Tecnologia. Também avalizaram o protocolo de intenções o presidente da Câmara de Vereadores, Gustavo Ranzani Herrmann; o presidente da Coplacana, José Coral; a coordenadora de Agronegócios do Ministério da Indústria e Comércio, Rita de Cássia Milagres e Lourival Mônaco (Secretaria de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento).

 

O prefeito Barjas Negri reforçou a importância do APL para o fortalecimento da região. “Agora vamos arregaçar as mangas para aumentar nossa produtividade. Com certeza, as melhorias serão revertidas em emprego e renda”.

 

O presidente da Aderp e prefeito de Capivari, José Carlos Borsari, também defendeu as parcerias entre poder público e iniciativa privada. “Só dessa forma conseguiremos avançar positivamente, impondo nosso potencial em nível nacional e internacional”, disse Borsari.

 

Lourival Mônaco, da Secretaria Estadual de Ciência e Tecnologia, lembrou que Piracicaba possui um parque tecnológico positivo e ideal para o desenvolvimento do setor. “Temos o empenho do setor metal-mecânico, respeitados centros de pesquisa e o poder Público”, disse Mônaco.

 

A plataforma logística intermodoal de exportação do Piracicaba teve abordagem do secretário de Indústria e Comércio, Luciano Almeida, que apresentou a necessidade de instalação de modais rodoviário, ferroviário, aeroviário, dutoviário e hidroviário. Luciano Almeida disse que a plataforma engloba 23 municípios da região, numa população estimada em 1.534.082 milhões de pessoas. “O projeto prevê a participação dos setores público e privado, num investimento que gira em torno de 450 milhões de reais”.

 

Luciano defende que melhorias na logística de escoamento da produção significarão a diminuição de custos, tornando as cidades abrangidas mais competitivas. “Será a consolidação da região como referência em nível nacional e mundial”, completa o secretário.

 

O QUE É - A partir de um trabalho conjunto, o Apla tem o objetivo de discutir os problemas da cadeia produtiva do setor sucroalcooleiro, possibilitando a diminuição dos custos de produção e aumentando a competitividade do álcool da região de Piracicaba.

 

O APL tem a proposta de otimizar as ações de um grupo de empresas focadas no mercado comum de uma mesma base territorial. As ações conjuntas permitem aos participantes do arranjo diminuir custos, aumentar a produtividade e a qualidade final de seus produtos.

 

Na região de Piracicaba, o Apla reúne destilarias, indústrias, instituições e centros de pesquisa. A realização é do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, governo do Estado e Prefeitura de Piracicaba.

 

São parceiros a Acipi, Aderp, Cena, Copervap, Grupo Cosan, CTC, Esalq, Fumep, Piracicaba 2010, Pólo Nacional de Biocombustíveis, Sistema Agroindustrial Integrado, Sebrae-SP, Secretaria Estadual de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico, Senai, Simespi, Sindicato dos Metalúrgicos, Sindicato dos Químicos, Sindicato Rural Patronal, Sindicato Rural de Trabalhadores  Rurais, Unimep, Usina Bom Retiro, Usina Pederneira, Usina Furlan, Usina Iracema, Usina Pilon e Usina São José.
X

Reportar erro!

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente






X

Enviar e-mail para amigo!

O link da notícia será enviado automaticamente






Desenvolvimento Rural Sustentável Multas - Consulta e Parcelamento Resultados de Exames Editais Cultura
Webmail
Contato Prefeitura: Tel. (19) 3403-1000
Rua Capitão Antônio Corrêa Barbosa, 2233 - Chácara Nazareth - Piracicaba/SP
2022 - Todos os direitos reservados | Prefeitura de Piracicaba
Desenvolvimento Imagenet